Exu e Moreilândia: Recomendação expedida a municípios visa orientar sobre ilicitudes mais comuns no período eleitoral.

   Com o objetivo de orientar os partidos políticos, candidatos, órgãos policiais e demais forças de segurança pública da 79ª Zona Eleitoral, que compreende os municípios de Exu e Moreilândia, acerca das ilicitudes mais comuns que ocorrem no período eleitoral, o Ministério Público de Pernambuco recomendou que todos estejam cientes acerca das ilegalidades.

 O aviso também é voltado para informar à população, em caráter preventivo, sobre as práticas que não podem ser adotadas. De acordo com a promotora de Justiça Nara Alencar, entre as práticas mais comuns do período eleitoral incluem o derrame de materiais de propagandas nos locais de votação ou em vias próximas; corrupção eleitoral com o oferecimento de dinheiro, bens ou vantagens em troca de votos; boca de urna no dia das votações, utilização de equipamentos sonoros; transporte de eleitores; distribuição de brindes dentre outras práticas citadas em recomendação.

 Diante disto, o Ministério Público Eleitoral recomendou aos partidos políticos, candidatos e demais responsáveis da região que se abstenham de cometer as condutas vedadas pela legislação eleitoral, principalmente as descritas.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget