Auditoria do TCE gera economia de mais de 700 mil reais em Petrolina.

   Após a realização de uma auditoria de acompanhamento dos gastos da Prefeitura de Petrolina com merenda escolar, o Tribunal de Contas gerou uma economia de R$ 739.780,00 para o município. O trabalho, feito sob relatoria do conselheiro Valdecir Pascoal, analisou as despesas deste ano.

 A análise de procedimento licitatório reduziu o valor de um contrato firmado após o lançamento dos Pregões Presenciais nº 158 e 161, de 2018, para a aquisição de gêneros alimentícios destinados à educação do município. Segundo levantamento da equipe técnica da Gerência Regional Metropolitana Sul (GEMS), as empresas vencedoras cobravam preços acima dos valores anteriormente contratados.

 Devido aos questionamentos da auditoria, a Prefeitura Municipal de Petrolina renegociou os custos, que caíram de R$ 6.085.081,00 para R$ 5.345.301,00, gerando o benefício de R$ 739.780,00. Ao longo do exercício de 2018, os trabalhos do Tribunal já geraram uma economia de R$ 31.888.261,41 aos cofres públicos do Estado.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget