“OPERAÇÃO PROCURADOS DA POLÍCIA FEDERAL CONSEGUE PRENDER EX-PREFEITO DE RIO LARGO/AL FORAGIDO DA JUSTIÇA DESDE MARÇO DESTE ANO.

  Ação conjunta da Polícia Federal de Pernambuco e Alagoas dentro da chamada “OPERAÇÃO PROCURADOS” (a operação é contínua e começou a ser colocada em prática desde o ano de 2010 com essa designação e tem por objetivo dar cumprimento à Mandados de Prisão Temporária e Preventiva expedidos pela Justiça Federal e que são de competência da Polícia Federal realizar a sua execução) conseguiu prender no final da tarde de ontem, 23/04/2018, ANTONIO LINS DE SOUZA FILHO, vulgo “Toninho Lins” - ex-prefeito do município de Rio Largo/AL quando estava saindo de um apartamento localizado no bairro da Torre-Recife/PE.

Antônio Lins teve a prisão decretada no dia 26/02/2018 e foi condenado a 16 anos e 2 meses de prisão por apropriação de bens públicos, falsificação de documentos, fraude em licitações, entre outros crimes. O ex-prefeito estava foragido desde março, após ter sua prisão decretada pelo Tribunal de Justiça de Alagoas.

O ex-gestor de Rio Largo/AL aguardava em liberdade o julgamento de um Agravo em Recurso Especial no Superior Tribunal de Justiça (STJ). A Procuradoria Geral da Justiça de Alagoas (PGJ) requereu o início da execução provisória da pena imposta ao réu. O ex-prefeito, por sua vez, argumentou que o efeito da decisão só poderia ocorrer apenas depois do trânsito em julgado.

Ao avaliar o caso, o juiz Maurílio Ferraz deferiu o pedido feito pela Procuradoria, para que fosse dado início à execução provisória da pena. Após a sentença do Tribunal de Justiça, , a polícia tentou localizar o ex-prefeito para executar o mandado de prisão, mas ele não foi encontrado e passou a ser considerado foragido, até sua prisão nesta segunda-feira em Pernambuco.

Terminado os trabalhos ostensivos de identificação o preso foi conduzido até a sede da Polícia Federal no Cais do Apolo no Bairro do Recife Antigo, onde tomou ciência do Mandado de Prisão expedido em seu desfavor, e a previsão é que nesta terça-feira (24/04) ele será escoltado por policiais federais até Alagoas e entregue ao Sistema Carcerário onde ficará à disposição do Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas.

Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget