“POLÍCIA FEDERAL REALIZA PRISÃO EM FLAGRANTE DE DUAS MULHERES NO MESMO DIA POR TRÁFICO DE DROGAS COOPTADAS DO PRESIDIÁRIOS DE IGUARRASU E APREENDE CERCA DE 6.5 KG DE MACONHA E 300 GRAMAS DE CRACK”.

1º CASO:

A Polícia Federal em Pernambuco/PE, prendeu em flagrante na manhã do dia 15/12/2017, por volta das 8h LILIANY KAREN CAVALCANTI ALVES, brasileira, solteira, 21 anos, desempregada, natural de Recife/PE e residente no bairro de Beberibe/PE– (possui antecedentes criminais foi apreendida quando tinha 15 anos por tráfico de drogas). 

A prisão aconteceu em virtude de investigações realizadas pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes-DRE dando conta de que uma suspeita estaria chegando à Recife/PE no terminal do ônibus da Macaxeira oriunda do estado do Ceará trazendo uma certa quantidade de substância entorpecente. De posse dessas informações foi montada equipes de policiais federais que se dirigiram para o terminal com vistas a localizar, identificar e prender a responsável pelo possível transporte da droga. A ação teve seu desfecho final quando os federais acompanharam a chegada do ônibus interestadual e visualizaram o desembarque da suspeita com as mesmas características física apontadas na investigação, tendo sido imediatamente abordada e ao ser feita uma busca em sua bolsa encontrou uma pedra de crack que totalizou um peso bruto de aproximadamente 300g (trezentos gramas). Além da droga também foi apreendido 02(dois) aparelhos celulares. Em seu interrogatório KAREN informou que trouxe a droga do Ceará a pedido de um presidiário que atualmente está cumprindo pena no presídio de Igarassu/PE (não dando detalhes sobre o preso) e para isso ganharia a importância de R$ 800 (oitocentos reais). Por fim disse que só aceitou esse serviço por estar desempregada e passando por situação financeiras difícil.

2º CASO:
A Polícia Federal em Pernambuco/PE em conjunto com Policiais Militares da Rádio Patrulha, prendeu em flagrante na noite do dia 15/12/2017, por volta das 18h PAULA ROBERTA FERRERIA GOMES DA SILVA, brasileira, solteira, 24 anos, manicure, natural de Recife/PE e residente no bairro de Dois Unidos-Recife/PE– (não possui antecedentes criminais).

A prisão aconteceu em virtude de investigações realizadas pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes-DRE dando conta de que no Bairro de Dois Unidos-Recife/PE havia um imóvel onde estaria sendo armazenada uma certa quantidade de substância entorpecente. De posse dessas informações foi montada uma equipe de policiais federais que se dirigiram para o local com vistas a localizar, identificar e prender a responsável pelo armazenamento da droga.  Após uma vigilância feita no local um pouco distante da residência, os federais localizaram a suspeita e fizeram uma abordagem. Ao verificar a sua bolsa foi encontrado cerca de 2Kg de Maconha. Como era necessário prosseguir as diligências já que a presa havia franqueado o acesso dos policias à sua residência foi solicitado o apoio de policiais militares da Rádio Patrulha e ao ser feita uma busca no interior do imóvel encontrou-se nos fundos da casa mais 4,3Kg de maconha e uma balança de precisão que estava dentro de uma embalagem de ração animal. Além da maconha que totalizou 6,3Kg (seis quilos e trezentos gramas) e da balança de precisão também foi apreendido 02(dois) aparelhos celulares. Em seu interrogatório PAULA informou que a droga que estava de posse seria entregue para um traficante a pedido de um presidiário que atualmente está cumprindo pena no presídio de Igarassu/PE (não dando detalhes sobre o preso), porém não disse quanto estava recebendo pelo serviço de entrega e de armazenamento em sua casa do material entorpecente. Por fim disse que já vinha fazendo esse serviço há pelo menos 4 meses e o dinheiro que recebe serve como complemento de renda.

Terminado os trabalhos ostensivos e tendo sido arrecadados tanto a droga, balanças de precisão e aparelhos celulares, as suspeitas receberam voz de prisão em flagrante foram levadas para a Sede da Polícia Federal no Cais do Apolo no Bairro do Recife Antigo, onde, após ter sido informadas dos seus direitos e garantias constitucionais acabaram sendo autuadas em flagrante pelo crime contido no artigo 33 da Lei nº 11.343/2006 (tráfico de entorpecentes) e caso sejam condenadas poderão pegar penas que variam de 5 a 15 anos de reclusão, além de multa!   Após a autuação, as presas realizaram Exame de Corpo de Delito no IML - Instituto de Medicina Legal e em seguida foram encaminhadas para a audiência de custódia para depois, caso FOR CONFIRMADAS SUAS PRISÕES PREVENTIVAS serem conduzidas para o Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, onde ficarão à disposição da Justiça Estadual/PE.

ESTATÍSTICAS DE APREENSÃO:

Em 2016 foram 31 apreensões de drogas que a PF realizou em Pernambuco totalizando 36 pessoas (27 homens e 9 mulheres) presas e foram apreendidos 2Kg de pasta base e 5.118Kg (cinco toneladas e cento e dezoito quilos) de maconha, 12,7Kg de crack, 16,8Kg de haxixe, 25,1Kg de Ecstasy (cerca de 75.800 (setenta e cinco mil e oitocentos comprimidos), 6,1Kg de metanfetamina, 5Kg de fenacetina, 16,9Kg de Cocaína, 3Kg de bicarbonato de sódio e 12Kg de manitol.

Esta é a 26ª apreensão de drogas neste ano de 2017. Até agora foram realizadas 40 (quarenta) prisões (vinte e cinco homens e quinze mulheres) e apreendidos 24,2Kg de cocaína, 43Kg de Skunk, 6,8Kg de Haxixe, 3Kg de metanfetamina, 4 toneladas e 118 Kg de maconha e 1.6Kg de crack.

Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget