POLÍCIA CIVIL REALIZA OPERAÇÃO EM PARANATAMA E PRENDE SUSPEITOS DE ENVOLVIMENTO EM HOMICÍDIO.

  Duas pessoas foram presas numa operação da Polícia Civil comandada pelo delegado Alisson Câmara na manhã desta terça-feira (19/12), no Sítio Brito, zona rural de Paranatama, no Agreste pernambucano.


 Segundo o delegado Alisson Câmara, elas são suspeitas de envolvimento num homicídio que vitimou Osvaldo Gomes da Silva, vulgo “vardo do queijo” de 51 anos. O crime ocorreu no dia 29 outubro de 2017, no Sítio Cupira, área rural de Paranatama. Ainda segundo a polícia, Agentes de quatro delegacia participaram da operação que teve a participação dos delegados Flávio Pessoa – Delegacia de Caetés; Maria das Graças, titular da 2ª Delegacia de Garanhuns, e do próprio delegado Alisson Câmara que comanda as Delegacias de Paranatama e Saloá, no Agreste do estado.

 A operação era pra dar cumprimento a quatro mandados de prisão e outros quatro de busca e apreensão expedidos pela Comarca de Saloá. Foram presos Thiago da Silva Alves, de 26 anos, que já havia sido preso em agosto-2017 com 10 munições de festim tipo fuzil, 06 munições de calibre 9 milímetros de uso restrito, 06 munições de calibre 22 e mais uma de calibre 32; e Rogines da Silva, 23 anos, também preso no mês de agosto com um revólver calibre 38 e 09 munições.

Hoje ele também foi preso na posse de duas munições calibre 38, uma moto, capacetes e roupas suspeitas. Na mesma operação foi cumprida busca na residência do Márcio Roberto Teixeira Alves, conhecido por “Márcio Gonzaga”, agricultor, de 50 anos, onde foi encontrado um revólver Special, cal. 38, 7 tiros, aço-inox, com numeração raspada, além de uma balaclava – touca ninja. Márcio é pai de Rogines e Thiago.

 Ainda segundo o delegado Alisson Câmara, na ocasião, o Márcio Gonzaga fazia caminhada juntamente com sua esposa e irmã, sendo que ao avistar a viatura empreendeu fuga da localidade adentrando na caatinga, sendo perseguido, porém não foi localizado.

 Ele, “Márcio Gonzaga”, juntamente com outro filho que não foi encontrado por nome Ramon da Silva Alves, 23 anos, são considerados foragidos e estão sendo procurados pela polícia de Pernambuco e região. Em nota, a Polícia Civil informou que, todas as pessoas citadas pertencem à mesma família, o pai e três filhos, os quais são investigados pelos crimes de ameaça de morte ocorrido no mês de abril, disparo de arma de fogo no mês de maio, tentativa de homicídio ocorrido no mês de junho, todos praticados contra Osvaldo Gomes, mais conhecido por “vardo do queijo”, o qual foi covardemente assassinado, quando recolhia leite de produtores em sua motocicleta, isso após ter registrado várias denúncias contra “Márcio Gonzaga”, Ramon, Rogines e Thiago, que resultou na prisão de Márcio e seus filhos pelos crimes de posse de armas e munições, durante operação policial realizada na zona rural do Sítio Brito em Paranatama, onde moram os envolvidos.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget