SEE promove colação de grau unificada para estudantes dos cursos técnicos EAD 2217 concluintes foram certificados em oito cursos técnicos.

   Um sentimento de emoção e agradecimento marcou a colação de grau unificada de educação profissional a distância (EAD) nesse domingo (26), no auditório Tabocas, no Centro de Convenções, em Olinda. Realizada pela Secretaria de Educação do Estado (SEE), por meio da Secretaria Executiva de Educação Profissional (SEEP), 2217 formandos de 93 polos do estado foram certificados. Na solenidade, estavam presentes parentes, amigos, professores e gestores da Rede Estadual de Ensino. A cerimônia reconheceu concluintes dos cursos técnicos em 2017 (1º e 2° semestre) de Segurança do Trabalho, Informática (desenvolvimento de sistemas), Administração, Logística, Recursos Humanos, Multimeios Didáticos, Secretaria Escolar e Biblioteconomia.

A modalidade EAD ofereceu por meio de laboratórios, encontros semanais para realização de discussões em grupos, exibição de videoaulas e recebimento de informações sobre o que deverá ser realizado no restante da semana. "Esse programa é muito importante porque atende aquelas pessoas que têm dificuldades de ir todos os dias à escola e precisam dosar o momento de trabalho e todos outros compromissos com os estudos e a formação profissional. Nossa proposta para o futuro é ampliar o número de cursos e o número de polos" disse George Bento, gestor de Educação a Distância. Luci Marta Pereira se formou no curso técnico em Segurança do Trabalho na Escola Técnica Estadual (ETE) Pedro Muniz, em Araripina, e compartilhou como foi poder participar do programa. "O sentimento que passa agora é de felicidade, de ter alcançado um objetivo. O curso foi bastante interessante e contamos com uma equipe maravilhosa.

Às vezes a ideia do curso a distância gera um pouco de insegurança, mas a partir do momento que começamos a fazer as atividades, ter aulas presenciais e trocar conhecimentos, percebemos como é excelente a qualidade do ensino. Estou muito feliz com minha escolha e me sinto preparada" ponderou. Para o secretário executivo de Educação Profissional, Paulo Dutra, é importante ter pessoas que acreditem nesse trabalho para poder dar continuidade. "A verdadeira política pública é aquela que permanece, é aquela que perdura. Nossa intenção é alcançar aquelas pessoas que não têm acesso à educação. Com os polos EAD podemos chegar mais próximo daqueles que menos têm. Nós queremos continuar com essa política pública.

Temos o objetivo de fortalecer cada vez mais e aumentar o número de estudantes" expressou. Wijino Henrique contou que passou por muitos momentos difíceis, mas em nenhum momento pensou em desistir. "Passei por grandes dificuldades e ter feito esse curso foi muito gratificante. Um programa como esse só melhora a qualidade do ensino no estado e é uma porta para entrar na faculdade" destacou o formando em Informática na ETE Luiz Dias Lins, em Escada.

Ele disse ainda que esse projeto serviu de grande estímulo para não parar mais de estudar. “Agora que concluí o curso não vou mais parar. O mercado de trabalho está muito competitivo. Portanto, no próximo ano já inicio o curso de graduação em Análise e Desenvolvimento de Sistemas para aprimorar meus conhecimentos” finalizou.



Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget