Nimppe apresenta detalhes sobre laboratório de combate à lavagem de dinheiro.

  O Núcleo de Inteligência do Ministério Público de Pernambuco (Nimppe) apresentou, nesta quinta-feira 16, os detalhes do mais novo instrumento na guerra contra o crime organizado e seus tentáculos: o Laboratório de Tecnologia Contra a a Lavagem de Dinheiro (LAB-LD), durante reunião com o procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros, e outros integrantes da administração superior.

 O encontro ocorreu no auditório da Escola Superior do Ministério Público de Pernambuco (ESMP), no quinto andar do Edifício Ipsep, na Rua do Sol, bairro de Santo Antônio, região central do Recife. Criado a partir de uma resolução assinada pelo procurador-geral de Justiça em 19 de outubro, o LAB-LD deverá entrar em funcionamento até a primeira quinzena de dezembro.

“Estamos trabalhando incessantemente para dar ao Nimppe e também ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) toda a estrutura necessária para uma atuação cada vez mais forte”, disse Francisco Dirceu Barros, diante da equipe já constituída do LAB-LD. O novo Lab-LD faz parte de uma rede nacional de equipamentos que dá suporte a investigações minuciosas de crimes em que a lavagem de dinheiro é um meio para a prática ilegal, como tráfico de drogas, corrupção e improbidade administrativa.

 Os técnicos do LAB-LD estão trabalhando para atualizar e criar parâmetros de utilização para a ferramenta Sistema de Investigação de Movimentações Bancárias (Simba), um poderoso software que permite a análise de dados complexos em velocidades acima do operado por seres humanos. Assim que o Simba estiver pronto para o uso, o LAB-LD entra oficialmente em funcionamento. Entretanto, já há procedimentos investigativos que não necessitam do Simba sendo realizados.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget