Martelotte analisa partida e enxerga grupo com vontade de reagir.

O Santa Cruz acabou sofrendo mais uma derrota, neste sábado, em Florianópolis.

 A equipe coral chegou perto do empate, mas acabou perdendo para o Figueirense pelo placar de 2×1. Após o apito final em Santa Catarina, o técnico Marcelo Martelotte falou sobre a partida e a caminhada coral na Série B.

 “Demos a oportunidade para o Figueirense fazer o placar, sair com uma vantagem até confortável no primeiro tempo, que não representa a superioridade deles. Foi um jogo igual, onde eles aproveitaram uma desatenção na cobrança de escanteio e um erro na saída de bola nossa. Entendo que merecíamos um resultado melhor, mas infelizmente não conseguimos”, iniciou o treinador. “No segundo tempo, mudamos não só os jogadores, mas a nossa postura.

Com o adversário se preocupando mais em defender, fizemos um gol e pressionamos no final. Foi um rendimento que me agradou, que deve ser tomado desde o início dos próximos jogos. Estamos numa situação difícil, mas continuamos vivos na competição e esse empenho da parte final mostra nosso comprometimento”, comentou. Agora, a competição segue.

 Na próxima terça-feira, o Tricolor enfrenta o Oeste, no Arruda. Para se livrar da zona de rebaixamento, o Santa Cruz precisa vencer seus jogos em casa. E a necessidade é de começar já na próxima rodada.

 “Temos um jogo na terça e é cedo para definir se haverá alguma mudança. Vamos analisar as possibilidades e ver quem vai estar pronto para esta partida, que é importantíssima. Pode se cobrar qualquer coisa do elenco, menos a vontade. Não tem faltando empenho nos treinos e muito menos nos jogos. O grupo já deu a resposta que vai brigar até o final. Os detalhes que faltam, vamos aprimorar com trabalho”, encerrou Martelotte.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget