Feira de Toritama precisa de atestados de segurança.

   A Prefeitura de Toritama recebeu recomendação do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para os feirantes que atuam nas margens da BR-104 sejam retirados do local e transferidos para outro de segurança comprovada. A preocupação deve-se justamente ao perigo que tanto feirantes quanto consumidores estão sujeitos.

A Prefeitura precisa ainda intensificar a fiscalização e não mais permitir a montagem de barracas no local da Terceira Etapa do Parque das Feiras até se certificar da viabilidade de seu uso, em especial, da situação estrutural da edificação para recebimento de milhares de pessoas.

 Para a certeza de que a estrutura aguenta o peso do funcionamento da feira, deve haver a liberação documentada fornecida pelo Corpo de Bombeiros (AR), com análises de via de fuga e acesso em caso de incêndio, além das liberações da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), da Vigilância Sanitária e de outros órgãos fiscalizadores. Faz-se necessário também que sejam liberadas as vias públicas em torno da BR-104.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget