Estudantes de nutrição e dietética recriam receitas com baixo valor calórico para o MasterETE.

 O projeto está em sua primeira edição e foi realizado com estudantes dos 2º anos da ETE José Humberto de Moura Cavalcanti, em Limoeiro.

  Os estudantes do 2º ano do curso de Nutrição e Dietética da Escola Técnica Estadual (ETE) José Humberto de Moura Cavalcanti, localizada em Limoeiro, levaram para a prática o que aprenderam em sala de aula na disciplina de Técnicas Culinárias e Gastronômicas. Divididos em equipes, eles realizaram o MasterETE, projeto gastronômico onde os estudantes recriaram sobremesas transformando-as em receitas de baixo valor calórico ou funcional. Palha italiana, brigadeiro de biomassa da banana verde e torta holandesa foram alguns dos pratos analisados pela comissão julgadora formada por professores e ex-professores da instituição. Na ocasião, eles avaliaram o tempo determinado para construção do prato, a apresentação e características organolépticas como sabor, textura e aparência.

“A gente se ver realizado, o que foi planejado está sendo concretizado através de projetos como esse. Fico bastante orgulhoso quando vejo esses momentos. Eles se saíram muito bem em todos os requisitos exigidos e isso foi um ganho muito positivo, tanto para a escola quanto para os estudantes”, declara o professor e nutricionista, José Rodrigues. No curso, os estudantes aprendem sobre métodos de higiene, conservação de alimentos, armazenamento, manipulação, cocção, trocas para melhorias da receita e técnicas gastronômicas.

“Queria colocar em prática o que eles vivenciam no dia a dia, despertar as habilidades que eles possuem utilizando o que foi aprendido e usar isso para tentar inovar nos pratos com o objetivo de melhorar o valor calórico. O resultado foi espetacular”, fala Janaina Bione, professora orientadora do projeto. Para Yasmin Vitória, o projeto a ajudou bastante a despertar ainda mais o seu lado gastronômico. “Foi muito bom participar, descobrir como podemos transformar o alimento e deixando-o mais saudável, principalmente com o uso da matéria prima da nossa região, que é a banana. Isso me encantou”, diz a estudante que integrou a equipe que preparou o brigadeiro de biomassa de banana.

 “Uma experiência nova, me ajudou muito em relação a escolher uma profissão. Cada trabalho do curso eu sinto que estou no caminho certo”, fala Maria Eduarda que junto com sua equipe recriou a torta holandesa. Nesta sexta-feira (15), as últimas turmas apresentarão seus pratos. “O que acho mais interessante é a capacidade que eles têm de reconhecer que são capazes. O aluno bem orientado produz melhor, e estes meninos estão nos surpreendendo a cada apresentação. Todos estão de parabéns”, pontua a gestora da unidade de ensino Carina Falcão.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget