Petrolina: Reeducandos atendidos pelo Patronato Penitenciário concluem curso de Mecânica em Refrigeração e Climatização Residencial.

Mecânica em Refrigeração.

 Aulas foram ministradas em parceria com o Senai, com o objetivo de preparar os reeducandos do regime aberto e livramento condicional que querem voltar ao mercado de trabalho Um grupo de 15 reeducandos do regime aberto e livramento condicional concluem, nesta terça-feira, 29, às 20h, o curso de Mecânica em Refrigeração e Climatização Residencial, no Senai do município. A iniciativa é da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), através de parceria entre o Patronato Penitenciário e o Serviço Nacional da Indústria (Senai).

 Com a capacitação, os reeducandos ficarão aptos a trabalhar na área de manutenção e instalação de freezer, geladeira, bebedouro e ar condicionado. O curso teve 160 horas/aula. “A qualificação é a primeira porta que se abre, e estou me esforçando muito para depois conseguir emprego na área”, explica o reeducando Júlio de Souza, que passou quatro anos e nove meses em unidades prisionais do Recife, de Caruaru e Petrolina, e hoje se encontra no regime aberto. “A gente não pode permanecer no erro, temos que fazer diferente”, complementa.

 De acordo com Josafá Reis, superintendente do Patronato Penitenciário, "o curso de Mecânica em Refrigeração, assim como outros cursos disponibilizados através de parcerias com o Senai e Sest/Senat vão proporcionar aos reeducandos um meio de subsistência contribuindo assim para diminuir a reincidência criminal". O Patronato Penitenciário também mantém convênio com a Prefeitura do município, que oferece 200 vagas de emprego para os reeducandos. Atualmente 21 trabalham na área de limpeza urbana.
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget